comida japonesa

A dieta japonesa

Benefícios e cuidados

A dieta japonesa é reconhecida como uma das mais saudáveis do mundo. Devido ao alto consumo de alimentos funcionais a dieta japonesa proporciona a seus consumidores as maiores expectativas de vida do mundo além de riscos reduzidos de cânceres e doenças cardiovasculares. Descubra aqui por quais motivos os alimentos japoneses propocionam tantos benefícios para quem consome (Lamarão & Fialho 2009).

Fonte: Lamarão RC, Fialho E. Aspectos funcionais das catequinas do chá verde no metabolismo celular e sua relação com a redução da         gordura corporal. Rev. Nutr., Campinas, 22(2):257-269, mar./abr., 2009

 

 

salmao

Salmão 

Benefícios e cuidados

Salmão é o nome vulgar de várias espécies de peixes da família Salmonidae, que também inclui as trutas, típicos das águas frias do norte da Eurásia e da América. Várias espécies são criadas em aquacultura, especialmente a espécie Salmo salar (Wikipédia). Dentre os benefícios do consumo do salmão podemos listar:

1) É um alimento com baixa quantidade de gorduras totais

2) Importante fonte de nutrientes como a vitamina D, selênio e acídos graxos do tipo omega 3

3) Possui uma grande quantidade de proteínas de alta qualidade (todas as proteínas necessárias para saúde humana)   

Quantidade recomendada  

 Segundo a OMS o consumo de peixes é associado com diminuições de incidências de doenças do coração. Um consumo de 40 a 60 gramas de peixes por dia diminuiria em aproximadamente 50% as mortes causadas por doenças cadíacas. Tudo isso devido a baixa quantidade de gorduras totais dos peixes e a alta quantidade de omega 3 (em especial em peixes do mar como o salmão). Muitos estudos tem demonstrado que o consumo de ômega 3 diminuem incidências de doenças cardíacas, AVC, depressão, câncer e outras doenças (Fernandes et al 2012).  Apesar de todos os benefícios é necessário tomar alguns cuidados simples na hora do consumo deste peixe.

Cuidado para o consumo de peixe cru: O maior perigo do consumo do peixe cru é a difilotríase. A difilobotríase é uma doença parasitária causada pelo cestódio Diphyllobothrium latum, conhecida como "tênia do peixe", pois só é transmitida ao homem através da ingestão de peixes crus, mal cozidos ou defumados em temperatura inadequada. Pode atingir cerca de dez metros de comprimento no intestino delgado, sendo assim, um dos maiores parasitas que habitam o homem (Wikipédia). Para quem deseja consumir salmão cru é necessário que este seja congelado a temperatura de -20ºC por 7 dias para evitar a contaminação por difilotríase (Vranjac A 2005). É ideal também descongelar o salmão na geladeira um dia antes do consumo.

Fonte: Vranjac A CVE 2005. http://www.cve.saude.sp.gov.br/htm/hidrica/ifba_difilo.htm

           OMS 2003. DIET, NUTRITION ANDTHE PREVENTION OFCHRONIC DISEASES 

         Fernandes AC et al Rev. Nutr., Campinas, 25(2):283-295, mar./abr., 2012 

         Wikipédia

 

 

salmaoChá verde

Benefícios e cuidados

Chá-verde é um tipo de chá feito a partir da infusão da planta Camellia sinensis. É chamado de verde porque as folhas da erva sofrem pouca oxidação durante o processamento, o que não acontece com as folhas do chá-preto. Algumas outras ervas são vendidas a título de chá-verde, porém o verdadeiro chá-verde é o feito a partir da folha do arbusto Camellia sinensis. (wikipédia).

Por vários anos muitos cientistas tem estudados os efeitos benéficos do chá verde para a saúde humana. Alguns dos estudos sugerem que o chá verde estimula o metabolismo lipídico, auxiliando na perda de peso e diminuição do colesterol ruim do corpo (Lamarão & Fialho 2009). Outro benefício apontado para o chá verde é a diminuição da incidência de alguns tipos de câncer, incluindo o câncer de mama no estágio I e II (Nakachi et al., 1998). As principais substâncias responsáveis por estes benefícios são as catequinas encontrados tanto no chá verde comum quanto no ban chá. Apesar dos benefícios trazidos pelo chá verde e o ban-chá é necessário cautela em seu consumo. 

 

Quantidade recomendada e a forma de preparo

 A American Dietetic Association sugere o consumo de 4-6 xícaras de chá verde ao dia, a fim de obter os efeitos benéficos do chá verde à saúde. A infusão deverá ficar abafada por um período máximo de 2 a 3 minutos.  armazenamento por longo tempo também não é recomendado, pois ocorre perda dos compostos fenólicos. A proporção de água e ervas deve ser a seguinte: para cada litro de água, quatro colheres de sopa de erva fresca ou duas colheres de erva seca. Outra sugestão é que deve ser consumido entre as refeições para não interferir na biodisponibilidade de nutrientes provenientes das grandes refeições (Lamarão & Fialho 2009) .

 

Cuidados no consumo 

Devido a alta concentração de cafeína em sua composição o consumo do chá verde deve ser feito com cautela.

O consumo exagerado do chá verde pode trazer problemas como disfunção hepática a problemas gastrointestinais como constipação e até mesmo, à diminuição do apetite, insônia, hiperatividade,nervosismo, hipertensão, aumento dos batimentos cardíacos e irritação gástrica. Também podem acontecer palpitações, dor de cabeça e vertigem (Lamarão & Fialho 2009) .

 O chá verde é contra-indicado para gestantes e lactantes, pessoas com problemas de estômago ou que sofram de insônia.

Fonte: Lamarão RC, Fialho E. Aspectos funcionais das catequinas do chá verde no metabolismo celular e sua relação com a redução da         gordura corporal. Rev. Nutr., Campinas, 22(2):257-269, mar./abr., 2009

   The institute of food technologist expert on food safety and nutrition. Functional Foods:Their role in disease preventionand health promotion. November 1998

 

 

SOJA

Soja e seus derivados

Benefícios e cuidados

soja (Glycine max), também conhecida como feijão-soja e feijão-chinês, é uma planta pertence à família Fabaceae, família esta que compreende também plantas como o feijão, a lentilha e a ervilha. É empregada na alimentação humana (sob a forma deóleo de soja, tofu, molho de soja, leite de soja, proteína de soja, soja em grão etc.) e animal (no preparo de rações). A palavra "soja" vem do japonês shoyu. A planta é originária da China e do Japão. É um grão rico em proteínas. Dentre os sais minerais, os mais presentes são: potássio, cálcio, magnésio, fósforo, cobre e zinco. É fonte de algumas vitaminas do complexo B, como a riboflavina e aniacina, e também em vitamina C (ácido ascórbico) (Wikipédia).

 A soja é um dos alimentos funcionais mais conhecidos e é usado na prevenção de doenças cardiovasculares, câncer, osteoporose e diminuição de sintomas da menopausa (Behrens & Silva 2004). As substâncias responsáveis por estes benefícios são as isoflavonas. As isoflavonas (também chamadas isoflavonóides) são compostos químicos fenólicos, pertencentes à classe dos fitoestrógenos (substâncias estrutural e funcionalmente aos estrógenos) e estão amplamente distribuídos no reino vegetal (Esteves & Monteiro 2001). 

 

Quantidade recomendada

Um estudo de Anderson et. al. citado pela Organização Mundial de Saúde mostrou que um consumo de 47 g  de proteína de soja promoveram uma diminuição de 9% do colesterol total e 13% de colesterol LDL (colesterol "ruim") (OMS 2003). Nahás et. al. promoveram uma pesquisa com 50 mulheres que sofriam com as ondas de calor (sintoma do climatério) sendo 25 mulheres ingeriam 60 mg/dia de isoflavona e 25 placebo. No final do estudo houve uma diminuição maior de mulheres que não tiveram a sensação de ondas de calor com o uso de isoflavona em relação àquelas que tomaram placebo (44% versus 12% respectivamente) (Náhas et. al. 2003). A IV Diretriz Brasileira sobre Dislipidemia e Prevenção de Aterosclerose recomenda um consumo diário de 25 gramas de soja para uma diminuição de 6% do LDL. 

Fonte: Behren J H & Silva M A P. ATITUDE DO CONSUMIDOR EM RELAÇÃO À SOJA E PRODUTOS DERIVADOS. Ciênc. Tecnol. Aliment., Campinas, 24(3):                431-439, jul.-set. 2004

             Esteves EA & Monteiro JBR. EFEITOS BENÉFICOS DAS ISOFLAVONAS DE SOJA EM DOENCAS CRÔNICAS.  Rev. Nutr., Campinas, 14(1): 43-52,                      jan./abr., 2001

             OMS 2003. DIET, NUTRITION ANDTHE PREVENTION OFCHRONIC DISEASES 

            Nahás  EAP, Neto JN, Luca LA, Traiman P, Pontes A, Dalben I Efeitos da Isoflavona Sobre os Sintomas Climatéricose o Perfil Lipídico na Mulher em                   Menopausa. RBGO - v. 25, nº 5, 2003

    

 

kombu

Alga kombu

Benefícios 

Kombu ou konbu , também chamado dashima ou em haidai, são algas marinhas do gênerosSaccharina e Laminaria largamente consumido no noroeste da Ásia. Mais de 90 por cento do Kombu japonês é cultivado, e a maioria colhido em Hokkaido. É cultivado também no Mar interior de Seto.

Kombu é usado extensivamente na Culinária do Japão como um de três principais ingredientes para fazer um caldo usado em sopas chamado dashi. Ele é usualmente vendido seco, em pedaços grandes ou esfarelado assim sendo chamado de Oboro kombu. Também consumido fresco com peixe cru cortado em fatias (Sashimi).

Pode-se comer kombu em tiras acompanhado de chá verde, temperando com vinagre doce e cortando-o em pequenas tiras de 5 ou 6 centímetros de comprimento por 2 de largura.

É também uma fonte rica de Ácido glutâmico, um aminoácido responsável pelo umami, o que muitos consideram dos cinco sentidos básicos do paladar. Ácido glutâmico é a base para a produção do glutamato monossódico. (Wikipédia).

Estudos sugerem que o kombu tem ação antioxidante, anti-inflamatório e anti-cancerígeno. A substância responsável por estes benefícios é o fucoidan (Park et.al. 2015). O fucoidan inibe a migração de leucócitos durante o processo inflamatório (Marques et al. 2012).

Fontes: Park HY, Choi W, Kim GY, Kim BW, Kim WJ, Choi YH, Revista Brasileira de Farmacognosia 25 (2015) 246–251

              Marques CT et al. Rev. bras. farmacogn. vol.22 no.1 Curitiba Jan./Feb. 2012 Epub Nov 21, 2011

 

 

comida japonesa

Gengibre

Benefícios

O gengibre (Zingiber officinale) é uma planta herbácea da família das Zingiberaceae, originária da ilha de Java, da Índia e da China, de onde se difundiu pelas regiões tropicais do mundo. Outro nome conhecido no norte do Brasil, é Mangarataia (Wikipédia).
Trata-se de uma planta perene da Família das Zingiberáceas, que pode atingir mais de 1 m de altura. As folhas verde-escuras nascem a partir de um caule duro, grosso e subterrâneo (rizoma). As flores são tubulares, amarelo-claro e surgem em espigas eretas (Wikipédia)
Sua variedade de usos medicinais é devido ao seu uso no tratamento das várias doenças gastrointestinais, como náuseas, vômitos, desconfortos abdominais, diarréia, para o tratamento de artrite, reumatismo, dor, desconforto muscular, para a alívio de várias doenças cardiovasculares e doenças metabólicas. Além dessas propriedades bem documentadas de gengibre,estudos científicos recentes revelaram que o gengibre também possui propriedades anticancerígenasem uma ampla variedade de modelos experimentais (Barreto et.al 2012). Na medicina tradicional da Índia o gengibre é usado para reduzir o colesterol e combater artrite. Já na China é usado contra dor de cabeças e resfriados devido ao seu efeito de aquecimento. No Mediterrâneo e Ocidental, a planta tem sido usada para o tratamento de artrite, condições reumáticas e desconforto muscular (Maria I. G. Silva et al. 2012). Além desses benefícios o gengibre também inibe o crescimento de algumas bactérias (M.N. Indu et.al. 2006)
Fonte:  Wikipédia

             Silva MIG, Melo CTV, Vasconcelos LF, Carvalho AMR, Sousa FCF. Bioactivity and potential therapeutic benefi ts 22(1): 193-207, Jan./Feb. 2012 of some medicinal plants from the Caatinga (semi-arid) vegetation of Northeast Brazil: a review of the literature. Rev. Bras. Farmacogn. Braz. J. Pharmacogn. 22(1): Jan./Feb. 2012

              Barreto AMC, Toscano BAF, Fortes RC, Efeitos do gengibre (Zingiber officinale) em pacientesoncológicos tratados com quimioterapia. Com. Ciências Saúde. 2011; 22(3):257-270

                Indu MN, Hatha AAM, Abiroshi C, Harsha U, Vivekanandan G. ANTIMICROBIAL ACTIVITY OF SOME OF THE SOUTH-INDIAN SPICES AGAINST SEROTYPESOF ESCHERICHIA COLI, SALMONELLA, LISTERIA MONOCYTOGENES ANDAEROMONAS HYDROPHILA. Brazilian Journal of Microbiology (2006) 37:153-158

 

Loja Virtual UOL HOST powered by Signativa

©2009-2017. Mitsuo Store -Loja Especializada em Produtos Orientais e Japoneses / CNPJ: 11.362.710/0001-88 / Rebeca SAW Okamoto ME / Endereço: Caixa Postal 3127 - CEP: 13033-970 - Campinas/SP. Todos os direitos reservados. Cópia Proibida.